quarta-feira, 20 de março de 2013

Jefferson sonha com conquistas maiores


O Goleiro aponta a mudança de mentalidade do grupo como fator primordial para as conquistas


Jefferson tomou a palavra hoje e ressaltou a mudança de mentalidade do time em relação a 2012, cujo resultado já se fez notar na postura do grupo, principalmente na reta final do turno, quando enfrentou adversários tradicionais, venceu e conquistou com méritos a simpática Taça Guanabara.

O capitão da conquista atribuiu essa mudança de postura à chegada de jogadores mais experientes que deram suporte ao grupo para lidar melhor com as situações adversas ao longo da disputa, ajudando psicologicamente o time em partidas mais difíceis.

Nesse clima, Jefferson anunciou que não vai se contentar com vaga na Libertadores e quer o Brasileirão. Não adianta reclamar de uma condição desfavorável e arrumar desculpas a cada resultado ruim, como ocorreu em várias oportunidades na reta final do campeonato passado. A Copa Libertadores, disse, tem suas dificuldades mas é uma competição que todo mundo quer disputar.

Uma outra constatação é a de que a qualidade do elenco é superior e as opções para cada posição são maiores em relação a 2012, facilitando o trabalho do técnico Oswaldo de Oliveira. Paralelo a isso, alguns jovens se firmaram na equipe principal e o time não sentiu a falta de peças importantes que ficaram de fora por contusão nesse começo de temporada, como Antônio Carlos, Renato e Andrezinho. A falta de peças de reposição foi apontada como uma das principais causas do fracasso do projeto Libertadores do ano passado.

Nessas condições, Jefferson sonha não só com a conquista da Copa do Brasil, mas também em brigar pelo título nacional e por conseguinte, conseguir a vaga para a Libertadores.

É um projeto ambicioso para qualquer um dos 12 grandes clubes do Brasil, mas a mentalidade não mudou? Então podemos sonhar!

Na volta aos treinamentos, após a vitória por 4 a 0 na estreia do segundo turno contra o Quissamã, o gol de Rafael Marques ainda repercute entre os companheiros. Veja o que Jefferson disse sobre esse momento: O zagueiro André Bahia, que ocupou a vaga de Bolivar no time titular e fez uma boa partida falou desse momento e da sua expectativa sobre a renovação de contrato para o restante da temporada, já que o atual tem seu término previsto para o final do Campeonato Carioca. Veja: Por último, imagens do treino de campo em que Seedorf tentou marcar um gol parecido com a tentativa de Pelé contra o Uruguai, na Copa de 70, driblando o goleiro sem tocar na bola.

Por Felipaodf/Botafogodeprimeira.com