terça-feira, 2 de abril de 2013

Parabéns, Rodolfo Fischer


Quem lembra dele?



O Botafogo Oficial lembrou e publicou nas redes sociais uma homenagem ao El Lobo - não confundir com o El Loco.

Veja a mensagem original: 

PARABÉNS! Hoje é aniversário do Fischer, atacante argentino que se destacou no FOGÃO na década de 70 e completa 69 anos! Cada CURTIR é um parabéns para ele! 

Na publicação, o argentino aparece ao lado de Jairzinho, o Furacão da Copa, com quem formava o ataque alvinegro da época.

Rodolfo José Fischer, mais conhecido como El Lobo, é um ex-jogador argentino que atuava como atacante. Revelado pelo San Lorenzo, alto e excelente cabeceador, marcou história no clube, se sagrando bicampeão argentino e ainda artilheiro numa edição. 

Contratado pelo Botafogo em 1972, permaneceu no alvinegro até 1975, se destacando no ataque do Fogão. Se transferiu para o Vitória em 1976, onde ficou apenas uma temporada, o bastante para se destacar em terras baianas, marcando 31 gols em 41 jogos.

Veja uma pequena biografia do jogador publicada na coluna "Que fim levou" do jornalista Milton Neves:

Fischer
Ex-atacante do Botafogo, San Lorenzo e Vitória da Bahia

Rodolfo José Fischer, o grande atacante Fischer que brilhou com a camisa do Botafogo na década de 1970, é argentino. Nasceu no dia 02 de abril em Oberá. 

Começou a carreira em 1965 no San Lorenzo. No Fogão, permaneceu entre 1972 e 1976, transferindo-se depois para San Lorenzo novamente, Vitória da Bahia, Sarmiento da Argentina e Belgrano, também de seu país natal, onde encerrou a carreira. Também defendeu a seleção argentina entre o final da década de 1960 e o início da década seguinte em quase 40 jogos. Atualmente está aposentando e residindo em uma fazenda no interior da Argentina.

Conhecido como "El Lobo" pela sua vontade de vencer, tinha grande facilidade para cabecear por conta de sua estatura elevada. 

Seu principal momento no futebol brasileiro aconteceu no dia 15 de novembro de 1972, quando marcou dois gols de uma goleada do Botafogo sobre o Flamengo por 6 a 0 pelo Campeonato Brasileiro. (Por Marcelo Rozenberg)

Parabéns, El Lobo Fischer!

Por Felipaodf/Botafogodeprimeira.com