terça-feira, 7 de maio de 2013

O jogo que decidiu a parada a favor do Botafogo


É comum nos vários setores das atividades humanas se fazer um balanço ao final de cada ciclo de trabalho. É quando os envolvidos nos processos avaliam o que deu certo ou não, os pontos fortes e fracos, e o que pode melhorar nas próximas experiências.




No futebol não é diferente e é isso o que estão fazendo os times cariocas ao fim do Estadual, ou deveriam. No Botafogo, que conquistou o título de maneira fantástica ganhando os dois turnos da competição e eliminou os jogos finais, a tarefa não é menos complexa do que as dos rivais, dois deles eliminados da disputa prematuramente.

Essa análise abrange várias áreas, principalmente a que trata do elenco quando são definidas dispensas e contratações que, apesar de estar mais afeta aos dirigentes e profissionais do futebol, mexe muito com a torcida.

A condição de mero torcedor não diminui em nada a nossa importância nesse processo e devemos, sempre que possível, expressar opiniões sobre os temas que envolvem o clube e seu desempenho exercendo esse direito com responsabilidade e paixão como convém a nossa "categoria", inclusive nos que tratam da remontagem do elenco sem temor de sermos taxados de corneteiros ou coisas do gênero.

Por ora, enquanto somos embalados por assuntos requentados pela imprensa e as novidades não aparecem, vamos tratar da opinião dos jogadores sobre qual teria sido o momento decisivo dessa vitoriosa campanha que culminou com o honrado título de Campeão Carica de 2013 e mais três taças na galeria de General Severiano.

Para os protagonistas do espetáculo e, suponho, da maioria dos torcedores, o jogo semifinal do primeiro turno contra o Fla foi escolhido como o divisor de águas do Botafogo nesse Carioca. O time estava numa situação desfavorável e uma derrota naquela altura poderia complicar sua trajetória na competição. Oswaldo de Oliveira começava a sentir a pressão do momento e admitiu, após a conquista, que poderia ter sido demitido se não vencesse o jogo.

Só pra relembrar: o Alvinegro chegou a empatar com Boavista e Bangu, além de ter perdido para o próprio Flamengo na fase de grupos, até então, o time de melhor campanha do campeonato e idolatrado pela "mídia rubro-negra". No caso de uma desclassificação diante do rival, poderia colocar todo o trabalho do primeiro semestre a perder.

Para o goleirão Jefferson, o Bota ganhou esse campeonato contra o Flamengo - justamente nesse jogo. Ali foi o momento crucial para o título – disse o capitão.

Relembre os melhores momentos desse jogão que alavancou a campanha do Bota até o título




Por @felipaodf/Botafogodepriemira.com