terça-feira, 28 de maio de 2013

Sr. Prefeito, não despreze a força das redes sociais


Juntos, sempre!




O movimento acertado ontem nas redes sociais entre integrantes da torcida alvinegra como forma de chamar a atenção das "autoridades" para a demora na solução da obscura interdição do Engenhão fizeram efeito imediato, pelo menos em termos de repercussão.

A hashtag combinada para puxar o movimento “#EduardoPaesDevolvaNossoEstadio” figurou entre as primeiros no Twitter do Brasil, conforme destacado na reportagem da UOL, primeira (única) mídia de grande porte a noticiar o fato.

A paciência da torcida botafoguense parece ter chegado ao fim com essa e outras situações, no mínimo, mal explicadas por quem de direito. A diretoria do clube que, ao invés de pressionar as autoridades por uma solução rápida para o caso, prefere assistir a tudo com uma paciência irritante e incompreensível. Com isso, dá fôlego à decisão da Prefeitura. Nem mesmos os sérios problemas financeiros que o clube atravessa agravados com a interdição do estádio, comovem nossa direção. Até quando, seu Maurício?

E o movimento da torcida extra-campo não para por aí. Embalada pelas denuncias do médico-torcedor no domingo, na Radiobotafogo, de que o fechamento do Engenhão foi uma grande farsa tramada entre a rede de TV, políticos, empreiteiros e dirigentes do clube, e confirmados por ele um dia depois, a tsunami alvinegra volta com força total prometendo varrer as supostas negociatas que envolvem o futebol brasileiro tendo como um dos alvos o nosso clube.  

Aproveitando esses ventos da indignação e do marasmo administrativo do clube, movimentos pipocam por toda parte. Essa semana foi criado mais um espaço (evento) no Facebook para concentrar essa mobilização com o título "A nossa torcida acordou: Agora vamos ver quem é mais forte". Acessem e participem, eu já estou lá: https://www.facebook.com/events/657873220896071/?notif_t=plan_user_invited

Ainda dentro do tema, peço que vejam a matéria que produzimos com o desabafo do jovem torcedor botafoguense (16 anos), Tarik El Zein, de São Paulo, sobre essa situação. Lúcido, apaixonado e coerente do começo ao fim. O futuro de nossa grandiosa torcida está garantido com jovens tão esclarecidos e interessados nas coisas que envolvem o clube. Acessem e vejam se não tenho razão: http://botafogodeprimeira.blogspot.com.br/2013/05/problemas-extra-campo-perturbam.html



 Veja a reportagem do UOL:

UOL Esporte27/05/2013 22:43


Crédito da foto: EFE/Marcelo Sayão
Sem estádio desde o fim de março, quando a Prefeitura do Rio de Janeiro interditou o Engenhão, a torcida do Botafogo perdeu a paciência nesta segunda-feira. No Twitter, os fãs do time carioca começaram um protesto para a equipe voltar a utilizar o estádio.

Com a hashtag “#EduardoPaesDevolvaNossoEstadio”, citando o nome do prefeito da capital carioca, os fãs do Botafogo conseguiram colocar o termo entre os três termos mais citados no Twitter do Brasil.

Sem o estádio, o Botafogo terá que começar a disputa do Brasileirão alugando outros locais para seus jogos. Nesta quarta-feira, contra o Santos, o time mandará a partida em Volta Redonda.

Apesar de estar fechado para partidas, o Engenhão será utilizado para treinos das seleções durante a Copa das Confederações.

A previsão é de que Itália e Taiti utilizem o local ainda na primeira fase. Além desses, um dos finalistas da Copa das Confederações também realizará treino no Engenhão.

O estádio está interditado há dois meses por problemas estruturais em seu arco da arquibancada. Não existe previsão de quando o local será liberado.



Um mês sem Engenhão20 fotos1 / 20

Prefeitura do Rio recebeu laudo da empresa alemã SBP que aconselhou a interdição imediata do Engenhão por causa de problemas na cobertura. Clube administrador do estádio, o Botafogo só soube da notícia no mesmo dia em que a arena fechou as portas. Leia mais Crédito: EFE/Marcelo Sayão

Saudações a todos!