sábado, 7 de setembro de 2013

Temporada de caça à Raposa continua


GUIA DA RODADA #19:Primeiro turno chega ao fim com o equilíbrio habitual do campeonato. Seis pontos separam oitavo colocado tanto do G-4 quanto do rebaixamento



Já tivemos dez edições do Brasileirão em pontos corridos. Em sete delas, o campeão do primeiro turno ganhou o campeonato. Em outras três temporadas, o time que ganhou a metade inicial da competição não se sustentou na ponta até o fim.

O Brasileirão encerra sua metade inicial de disputa neste fim de semana com a certeza de que a Raposa é a dona da melhor campanha. O cruzeirense otimista dirá que não é título, mas é indício; o pessimista dirá que é indício, mas não é título. E o mesmo vale para aqueles que perseguem a equipe de Belo Horizonte. No ano passado, por exemplo, os cinco primeiros colocados no fim do primeiro turno foram os cinco primeiros colocados no fim do campeonato. É boa notícia para o atual pelotão da frente. Já em 2011, dois ficaram pelo caminho: São Paulo e Botafogo guardaram vaga para Fluminense e Inter.

O equilíbrio já virou um clichê do campeonato. E 2013 não quebrou isso. Apenas seis pontos separam o quarto colocado (Grêmio) do líder. Outros seis separam o oitavo (Coritiba) do G-4. É justamente a mesma distância do Coxa para a zona de rebaixamento.

A 19ª rodada terá cinco jogos no sábado e outros cinco no domingo. Destaque para Cruzeiro x Flamengo, reedição de duelo de sair faísca pela Copa do Brasil - em que os cariocas, mal no Brasileiro, conseguiram eliminar o líder do Nacional.


Comentários do blogueiro: Essa é a proposta do site da globo para os jogos da rodada e a cada semana destacamos aqui apenas a análise relativa ao Botafogo que é o que nos interessa.

CRICIÚMA x BOTAFOGO

DOMINGO, 18H30M - HERIBERTO HÜLSE

Dos 23 pontos que o Criciúma somou até agora no Brasileirão, 16 foram conquistados em casa. Mesmo que experimente momento de crescimento como visitante, com duas vitórias seguidas fora (1 a 0 sobre Vitória e 2 a 1 contra o São Paulo, o último nesta quinta), o Tigre sabe que sua jaula é um fator a ser utilizado à exaustão para ter uma campanha tranquila no Brasileirão e, assim, conseguir permanecer sem sustos na Série A. Os catarinenses vivem momento especial nesta reta final de turno. O Heriberto Hülse deve lotar para o jogo contra o Botafogo, outro time vindo de vitória na quinta-feira - 3 a 1 sobre o Coritiba.

Ao longo da primeira metade do Nacional, o Alvinegro sempre esteve de namoro com a liderança. Não conseguirá entrar no returno com a ponta, mas pode tentar colar no Cruzeiro - a diferença atual é de quatro pontos. Oswaldo de Oliveira não terá o craque Seedorf, suspenso, e terá que usar seu terceiro goleiro, Milton Raphael, já que Jefferson está com a seleção brasileira e Renan foi expulso contra o Coxa. Destaque para o garoto Hyuri, autor de dois gols na vitória por 3 a 1 sobre o Coritiba, um deles comentado até agora.

Na TV: SporTV (menos SC), com Eduardo Moreno e Lédio Carmona, e Premiere FC.

Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA), com Marcelo Bertanha Barison (RS) e Márcio Gleidson Correia Dias (PA).

Você sabia que... Botafogo e Criciúma não se enfrentam há nove anos? Os últimos confrontos aconteceram pelo Campeonato Brasileiro de 2004, e a equipe catarinense levou a melhor, obtendo uma vitória e um empate.



Comentários do blogueiro: Ao término do primeiro turno o Cruzeiro continua firme na ponta e não pode ser alcançado, mas seus concorrentes diretos - Atlético-PR, Botafogo e Grêmio - continuam firmes numa autêntica caça à Raposa. Como nas rodadas anteriores, o que resta ao torcedor alvinegro é torcer pela vitória do Glorioso e esperar o tropeço dos concorrentes, principalmente do líder para encostar de vez. E nisso os rivais cariocas (Fla e Vasco) podem contribuir mesmo "sem querer".

Veja nosso post de antes do jogo contra o Coxa, no Maracanã, quando só a vitória interessava http://felipaodf.blogspot.com.br/2013/09/so-vitoria-interessa-e-vamos-atras-dela.html

A Raposa, que já era líder, botou frente ao vencer o Bahia e consolidou sua posição. O Atlético-PR garantiu o segundo lugar ao vencer o Santos, desbancando o Grêmio que foi vencido pelo Goiás. O Bota jogou na quinta e poderia assumir a vice-liderança no caso de vitória sobre o Coxa por uma diferença de três gols.

Em certa altura do jogo, o Glorioso conseguiu essa diferença até que o goleiro Renan cometeu pênalti sobre Gil e acabou expulso do jogo. O Coxa marcou o seu gol de honra e a partida terminou com o placar de 3 a 1 pro Bota depois de dois resultados ruins, sem marcar. Com a vitória, empatamos em pontos, vitórias e saldo de gols com o Furacão, perdendo a vice-liderança no critério gols marcados. Ficamos em terceiro.

Com a ausência de Lodeiro o jovem Hyuri estreou, deu show e foi o nome do jogo. Marcou duas vezes na partida e o segundo deles foi um golaço digno de receber placa no novo Maraca. Um lance pra ser visto mil vezes até o fim do campeonato. Rafael Marques deixou o seu e ainda fez a assistência para o primeiro gol de Hyuri com a camisa alvinegra. A torcida foi à loucura.

O técnico Oswaldo, que vai reinventando o Botafogo a cada partida dentro da competição, mostrou coragem ao promover a estreia de mais um jovem no momento crucial dessa trajetória em que convive com as incertezas provocadas pelas baixas no elenco por motivos variados. E domingo, contra o Criciuma, não vai ser diferente. O Bota vai desfalcado e Jefferson e Renan, Gabriel, Lodeiro e Seedorf o que abre brechas para os garotos da base atuarem.

O adversário ocupa a metade superior da tabela (10o. lugar) e vem de três vitórias seguidas (duas delas, contra Vitória e São Paulo, fora e casa) acreditando de fase ruim já passou. Vai jogar diante de sua torcida onde fez a maioria dos seus pontos (23) e costuma se apresentar bem. O zagueiro Fábio Ferreira, emprestado ao time catarinense pelo Alvinegro não joga por força de contrato.

O treinador Oswaldo de Oliveira comandou um treinou nesse sábado, pela manhã, antes da viagem à Florianópolis, mas não confirmou a equipe. Milton Raphael, a terceira opção, deve ser o goleiro na vaga de Renan que cumpre suspensão, lembrando que ele próprio já vinha substituindo Jefferson que está servindo a seleção. Hyuri, que estreou bem substituindo Lodeiro (seleção uruguaia) deve ser mantido ao lado de Rafael Marques. Lucas Zen e Renato brigam pela vaga de Gabriel, que fica de fora por contusão. O experiente Renato pode ocupar ainda a vaga de Seedorf concorrendo com o jovem Otávio que entrou muito bem contra o Coxa e subiu de cotação. Esse é o panorama pro jogo encrencado de domingo.

Escalações

Botafogo: O técnico Oswaldo ainda tem muitas dúvidas pra escalar o Alvinegro que deve ir a campo com: Milton Raphael; Edilson , Bolivar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos e Lucas Zen (Renato), Renato (Otávio) Hyuri e Rafael Marques; Elias.

Criciuma: O Tigre deve ir a campo com Galatto; Sueliton, Matheus Ferraz, Leonardo e Marlon; Serginho, Elton e Morais; Lins, Marcel e Bruno Lopes.

Boa sorte Fogão!


Matéria base: Por Alexandre Alliatti/GE

Por @Felipaodf/Botafogodeprimeira.com