segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Bota venceu o Náutico no Rio... Você lembra como foi?


Botafogo vence o Náutico em casa e reassume a liderança do campeonato



*Publicado em 21/07/2013 no Blog do Felipaodf (http://felipaodf.blogspot.com.br/)




A 8a. rodada do Brasileirão teve início no começo da noite desse sábado e o campeonato já tem novo líder. O Botafogo recebeu o Náutico em São Januário, venceu por 2 a 0 e reassumiu a ponta da tabela (16). Pelo menos até domingo quando Coritiba e Vitória entram em campo precisando de vitórias em seus compromissos para desbancarem o Fogão. Já sabemos a quem secar nesse domingão!

O Botafogo voltava a jogar na cidade depois de três meses e mesmo assim, apenas 6,5 mil torcedores estiveram presentes para incentivar o time na busca pela liderança do campeonato.

A obrigação de vencer o jogo parecia perturbar o time que não criou quase nada no primeiro tempo. Os jogadores se limitaram a levantar bolas na área sem nenhum resultado prático. Tanto que nos "melhores momentos" da partida a TV não tinha quase nada pra mostrar.

Pra variar, alguns jogadores estiveram muito abaixo do esperado e a falta de objetividade acabou estourando no colo de Vitinho. Mal escalado, o jogador dá sinais de que está sentindo a peso por ter sido o escolhido para entrar na vaga de F. Gabriel, que foi negociado. Sem ter as mesmas características do antigo titular e tendo que desempenhar as mesmas funções, o meia-atacante não vem desenvolvendo o bom futebol que o levou a ser eleito a revelação do Carioca. Vida que segue.

Mas bastou esse derradeiro meio tempo para que Oswaldo enxergasse o óbvio. O time voltou do intervalo com Elias no lugar de Vitinho, com recomendações de jogar mais avançado. Com isso, Rafael Marques foi recuado para a intermediária onde se houve melhor do que na etapa inicial - péssima por sinal. Essa modificação simples na forma de jogar fez com que o time ganhasse volume de jogo e passasse a dominar as ações.

Não demorou muito para R.Marques se livrasse dos marcadores e enfiasse uma bola na medida pra Elias. Como um verdadeiro centroavante, o jogador penetrou na área e concluiu em gol. Foi um arremate rasteiro, em diagonal, longe do alcance de Berna que nada pode fazer. O Bota abria o placar e Elias marcava seu primeiro gol com a camisa alvinegra. Emocionado, o jogador comemorou muito e já se candidata a "Matador do Fogão".

Logo depois, uma versão atual do Biriba - histórico mascote alvinegro - perambulou pelo campo de jogo e parece ter animado os Alvinegros. Nessa altura o Glorioso já dominava as ações e teve chances para ampliar o placar. Numa delas, Dória quase marca num chute que explodiu na trave ao receber uma bola escorada por Elias, no trabalho de pivô.

O Náutico ainda tentou o empate em duas ou três oportunidades que só serviram pra demostrar a boa fase de Jefferson, a Muralha Alvinegra. Desde que reassumiu a posição após servir a seleção, o goleiro, que completou 300 jogos com a camisa do clube, tem sido um dos destaques do time.

Aos 32 minutos, Lodeiro, que andava apagadinho como nos jogos anteriores, cruzou uma bola sobre a área adversária que Elias, subindo com o zagueiro, não alcançou. Renato que acompanhava a jogada escorou de cabeça no centro da área e marcou o segundo do Bota. Valeu pela vitória e pela liderança reconquistada.

Veja os melhores momentos da partida




Na quarta vamos a Floripa enfrentar o Figueirense pela Copa do Brasil. O Bota tem a vantagem do empate já que venceu a primeira partida por 1 a 0, em Volta Redonda. Não vai ser fácil.

O próximo compromisso pelo Brasileirão será contra o Flamengo, domingo, no retorno dos clubes ao Maracanã.

Por @Felipaodf/Botafogodeprimeira.com