quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Uma derrota humilhante no adeus à Copa do Brasil



Flamengo goleia o Botafogo e avança
 na Copa do Brasil
(Foto: Cleber Mendes/ LANCE!Press)
O Botafogo sofreu na noite de ontem uma das mais dolorosas derrotas dos últimos tempos. Foi humilhado pelo maior rival no Maracanã lotado de rubro-negros pelo placar de 4 a 0 sem esboçar, durante todo o tempo de jogo, qualquer reação. As dúvidas da torcida sobre a capacidade do time em conseguir uma vaga na Libertadores está cada dia mais acentuada, ainda mais agora que só resta uma chance, via Brasileirão.

O Botafogo foi campeão carioca desse ano de forma direta sem precisar jogar as finais e isso parece que fez falta na formatação do time que mostrou certas qualidades ao longo da temporada mas também, defeitos profundos - o maior deles é dar a impressão que na hora H falta determinação e vontade de ganhar, o que sobrou do outro lado no jogo de ontem. Nas partidas que tinham caráter decisivo como o jogo contra o Cruzeiro, tomamos um 3 a 0 e a "decisão" de ontem, onde só um time entrou em campo, tomamos de 4, sem esboçar reação. Sem falar na sequência de derrotas em casa para times de menor expressão.

O Botafogo entrou em campo como se fosse jogar uma partida normal de carioca ou de meio de tabela do Brasileirão, e se equivocou. Esse era o jogo pra entrar com tudo, com sangue nos olhos, intimidando o adversário, obrigando o goleiro de lá a fazer defesas difíceis metendo medo na torcida contrária. Mas não, o Bota esteve irreconhecível e parecendo mal escalado, tanto que passou o jogo inteiro levando bolas nas costas pelo lado direito onde um sofrível Gilberto foi massacrado pelo contrário. Seus jogadores mais experientes como Mattos, Renato e Seedorf, apesar da semana de descanso, se apresentaram apáticos puxando o moral do time pra baixo.

Agora, quem tiver obrigação que junte os cacos porque sábado já tem um compromisso contra o Galo pelo Brasileirão onde a luta pela vaga na Libertadores virou, mais do que nunca, obrigação sob pena de traumatizar uma geração de jovens e manchar a carreira de figurões que não sabem o que é uma decisão. Bem-vindos ao Botafogo!


Por @Felipaodf/Botafogodeprimeira.com