quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Pacto pela vitória. Será?


GUIA DA RODADA #34: Clubes que brigam por vaga na Libertadores encontram equipes ameaçadas de queda, e Cruzeiro pode ser campeão até com derrota



Foto: HOJE TEM BOTAFOGO!

Logo mais, às 21h, o Botafogo vai vencer a Portuguesa e conquistar mais três pontos em busca da classificação para a Libertadores. Vamos, Botafogo!

Quem confia na vitória, clica em CURTIR!Quatro dos dez jogos da 34ª rodada do Campeonato Brasileiro colocam frente a frente equipes que brigam por vaga na Libertadores e times que lutam contra o rebaixamento. Grêmio x Vasco, Goiás x Ponte Preta, Botafogo x Portuguesa e Criciúma x Atlético-PR estão naturalmente entre as partidas mais importantes de quarta-feira, pela importância dupla que carregam, por interessarem a G-4 e Z-4 ao mesmo tempo.


Mas é inevitável que os olhos sejam desviados para Vitória x Cruzeiro. Na rodada passada, a Raposa não conseguiu a confirmação do título, mas celebrou mesmo assim, de tão radicalmente provável que ele é. A certeza pode vir agora - ou com uma vitória em Salvador ou com um tropeço do Atlético-PR.

Comentários do blogueiro: Essa é a proposta do site da globo para os jogos da rodada e a cada semana destacamos aqui apenas a análise relativa ao do Botafogo que é o que nos interessa.

BOTAFOGO x PORTUGUESA
QUARTA, 21H - MARACANÃ

Com duas derrotas seguidas e ameaçado de não ir à Libertadores, o Botafogo vive momento de pressão. Depois de levar 2 a 1 do Inter, o elenco foi recebido com hostilidade pela torcida no aeroporto. O meia Seedorf chegou a conversar com torcedores e pediu a ajuda deles nesta reta final do campeonato. De qualquer forma, vencer a Portuguesa é necessário para acalmar os ânimos e também em termos práticos, de tabela. O Alvinegro só está no G-4 graças aos critérios de desempate - supera o Goiás no número de vitórias. A Lusa não vive momento melhor. Tem quatro rodadas sem vitórias, com três empates e uma derrota, e segue em flerte com a zona de rebaixamento. Está quatro pontos à frente do Z-4 e tem pela frente jogos contra concorrentes diretos, casos de Bahia e Ponte Preta. Luis Ricardo volta ao time.

Na TV: Premiere FC, com Eduardo Moreno e Lédio Carmona.

Arbitragem: Emerson de Almeida Ferreira (MG), com Guilherme Dias Camilo (MG) e Pedro Almeida da Costa (MG).

Você sabia que... faz 16 anos que Botafogo e Portuguesa não se encontram no Maracanã? O último jogo entre as duas equipes no estádio carioca foi em 8 de novembro de 1997, um empate por 3 a 3.

Comentários do blogueiro: O Botafogo vive um começo de semana conturbado depois da derrota para o Inter, lá no sul, que só uma vitória hoje, no Maraca, pode abrandar. Os jogadores foram recebidos com hostilidade no aeroporto por um grupo de torcedores insatisfeitos com o desempenho do time nas últimas rodadas. O grupo seguiu para o Engenhão onde consegui um encontro com Seedorf que, depois de desabafos de parte a parte, costurou uma espécie de "pacto pela classificação". Ainda hoje fomos surpreendidos com a notícia do pedido de demissão do técnico Oswaldo de Oliveira, não aceito pela Diretoria. O caldeirão está fervendo e é nesse clima que o o time vai a campo enfrentar a Portuguesa, que luta para se manter afastada da zona da degola.

O time alvinegro perdeu força na disputa, vem de duas derrotas seguidas para o Goiás e Inter, e vê sua posição no G-4 mais ameaçada do que nunca.

Contra o Inter, o Bota voltou a mostrar pouca inspiração no ataque e falhas bisonhas na zaga. Terminou o 1o. tempo perdendo por 1 a 0 - gol de Jorge Henrique (39'/1o.T) num erro primário de Bolivar e displicência geral do sistema defensivo na origem da jogada. Apesar de ter empatado logo no começo da etapa complementar, com Dória (2'/2o.T), não demorou muito para levar o 2o. gol, em nova falha de Bolivar (5'/2o.T) que perdeu a disputa de cabeça para o adversário.

Por tudo, o time tem a obrigação de vencer a Lusa hoje, no Maraca, com qualquer público que for, para afastar de vez essa fase crítica e conturbada que vive no 2o. turno e seguir forte na luta pela vaga. Do contrário, nem é bom pensar...

Escalações

Botafogo: Oswaldo de Oliveira não treinou a equipe em campo mas deve repetir o mesmo time que começou o jogo passado: Jefferson, Edilson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel; Gegê, Seedorf, Rafael Marques; Elias.

Portuguesa: O lateral Luis Ricardo retorna e o técnico Guto Ferreira poderá escalar o que tem de melhor. A provável escalação: Lauro; Luis Ricardo, Lima, Valdomiro e Rogério; Willian Arão, Bruno Henrique, Moisés e Souza; Diogo e Gilberto.


Por @Felipaodf/Botafogodeprimeira.com