domingo, 14 de setembro de 2014

Depois de mais uma derrota fora, jogo contra o Bahia vira decisão no Maraca


Atacantes não marcam e Bota volta a ficar ameaçado




Montagem do GE
A incompetência de Wallyson e Zeballos, que tiveram nos pés as chances de marcar e não o fizeram, foi determinante para a derrota, livrando o Inter de uma crise anunciada. O time do Botafogo é mestre nisso. 

Apesar do Colorado ter mais posse de bola, foi o Bota quem criou as melhores oportunidades de sair na frente do placar, ampliar e até decidir o jogo já no 1o. tempo tantas foram as chances criadas e não convertidas.

Aos 20', Wallyson, frente a frente com Muriel chutou para fora. Aos 25' foi a vez de Zeballos, diante do goleiro, bater sem força e nem direção. Não satisfeito, Wallyson, aos 27', novamente perdeu ao arrematar em cima do goleiro. Haja paciência pra aguentar os dois em campo, jogo após jogo. É só lembrar a partida contra o São Paulo.

Rogério fazia sua melhor partida desde que chegou ao alvinegro e dava boa sequência às jogadas nos espaços que encontrou na defesa colorada. Sem ser tão fominha como nos jogos anteriores, deixou várias vezes os companheiros na cara do gol. Placar moral do 1o. tempo: Botafogo 3 x 1.

Mas o Bota é o Bota... Além de não marcar, levou. Alex, numa bola em que teve muito espaço, meteu uma canhota certeira que pegou Jefferson adiantado. O goleirão falhou lembrando o posicionamento quase sempre equivocado do reserva Andrey, nos últimos jogos. 


E nós que depositávamos nele a chance de voltarmos ao Rio com uma vitória... Veja: Jefferson-volta-ao-time-e-aumenta.html


No 2o. tempo, Rogério cansou e o Botafogo deixou de pressionar. Nenhuma das modificações mudou o panorama do jogo, apesar de Mamute ter entrado com muita vontade. O Inter forçou as jogadas em cima de Dankler que, com as dificuldades de sempre, foi batido seguidamente com os avanços do lateral do Inter. Tanto que, num escanteio marcado erradamente pelo árbitro, o baixinho Sacha conseguiu ampliar de cabeça no meio dos grandalhões alvinegros. É pra chorar...

Veja os melhores momentos do Inter e os piores de Wallyson e Zeballos


 




Sem vencer a 3 jogos, o Alvinegro patina na 15ª. posição. Somou apenas 22 pontos em 21 rodadas e vai precisar melhorar muito nesse 2o. turno se quiser permanecer na série A, em 2015. Já são 9 derrotas, só em jogos fora de casa.

Agora, a um ponto do Z-4 o jogo contra o Bahia, no Maraca, na próxima quarta-feira, virou uma decisão de campeonato. Precisamos vencer, do jeito que for, esse jogo de 6 pontos. Chegou a vez da torcida carioca mostrar que está ao lado do time e resolver essa parada lotando o Maraca, em vez de ficar reclamando da marcação de jogos fora.


Por @Felipaodf/Botafogodeprimeira.com