sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Gabriel deixa o Botafogo na mão e revolta a torcida



Notícias de hoje dão conta que o volante Gabriel, que deixou o Botafogo via decisão judicial, está se acertando com o Palmeiras do treinador Oswaldo de Oliveira. Pelo jeito, o jogador e seu empresário decidiram ignorar a tentativa de acordo proposta pela nova diretoria alvinegra, o que seria mais honroso. 

Se o jogador não quisesse disputar a série B pelo clube, como nos fez crer que queria pelas declarações e lágrimas derramadas após o descenso, poderia, pelo menos, ter saído pela porta da frente de General Severiano com uma boa negociação, preservando dessa maneira os interesses do clube e o investimento que o Botafogo fez na carreira dele. Se escolheu o caminho intempestivo antes mesmo de estudar a alternativa proposta pelo clube, sua atitude deve ser desprezada pela torcida que sempre lhe apoiou desde que chegou pra jogar na base. 

Na minha opinião ele é e sempre foi apenas um jogador regular e esforçado que ainda tem muito a evoluir e temo pelo seu futuro no futebol de São Paulo, mesmo sob o comando do Oswaldo. É um bom roubador de bola mas não sabe o que fazer com ela. Sua grande vantagem é ser jovem e ainda pode aprender...