quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Parabéns, Furacão!



Veja a homenagem que o Botafogo Oficial fez para Jairzinho, o Furacão da Copa de 70, que completa hoje 70 anos. Jair Ventura Filho é um daqueles jogares que honraram a mística camisa 7 alvinegra herdada de Garrincha e inscreveu seu nome na galeria de ídolos do Glorioso. Com seu talento, força e dedicação, se tornou um jogador decisivo na conquista do tri-campeonato pela Seleção Brasileira, no México, onde foi artilheiro da competição com 7 gols, marcando em todos os jogos. Pela destacada atuação na campanha, recebeu o título de Furacão da Copa envergando a camisa 7 canarinho.



O ídolo Jairzinho, o Furacão da Copa de 70, completa hoje 70 anos de vida! Todas as reverências a um dos maiores jogadores da história do Botafogo! Parabéns, Furacão!

Lançada a hashtag ‪#‎Jairzinho70anos‬



ÍDOLOS

JAIRZINHO

Forte como um touro, Jairzinho foi durante muito tempo o terror dos zagueiros adversários. Valente, veloz e abusado, enfrentou e despertou o desespero em rivais que só tinham uma forma de pará-lo: com a violência. Mas não era fácil derrubá-lo. A ligação desse atacante endiabrado com o Botafogo começou no final da década de 50, quando a família de Jair Ventura Filho trocou o município de Duque de Caxias pelo Rio. Morando na rua General Severiano, ao lado do Botafogo, logo ele estava fazendo teste nas categorias de base do Glorioso. Em 1965, acabando de sair do juvenil, Jairzinho encarou uma missão complicada: substituir Garrincha no Botafogo. Aos 19 anos, surgia um novo ídolo da mítica camisa 7.

Jairzinho não tinha os dribles desconcertantes de Garrincha, mas seus gols e suas arrancadas logo se tornaram sua marca registrada. Sólido, eficiente, Jairzinho, no mesmo ano em que estreara nos profissionais do Alvinegro, foi chamado para substituir Garrincha também na seleção brasileira. Na segunda metade dos anos 60 e início dos anos 70, era nome certo em qualquer lista. No México, em 1970, foi o artilheiro do Brasil, com 7 gols, marcando em todas as partidas. Ganhou o apelido de "Furacão da Copa", por sua devastadora atuação. Em 413 partidas pelo Botafogo, marcou 186 gols, conquistando o bi-bi do Campeonato Carioca e Taça Guanabara (1967/68) e dois Torneios Rio-São Paulo (1964 e 1966). Disputou três Copas do Mundo (66, 70 e 74) e foi campeão uma vez (1970). Jair Ventura Filho nasceu dia 25/12/1944, no Rio de Janeiro e, além do Botafogo, jogou por clubes como Olympique de Marselha, da França; Cruzeiro, Portuguesa de Acarígua, da Venezuela; Noroeste de Bauru; Fast de Manaus; Jorge Wilsterman, da Bolívia; Nove de Outubro, do Equador. Na seleção, fez 107 partidas e marcou 44 gols.