segunda-feira, 23 de março de 2015

A liderança, nas mãos de Renan e nos pés de Sassá



BotafogoOficial
Renan, que voltou ao gol do Botafogo ontem contra a Cabofriense, em Macaé, em partida válida pela 11a. rodada do Campeonato Carioca, substituindo o capitão Jefferson que está à serviço da Seleção, depois de nove meses sem disputar um jogo oficial por erro estratégico na condução de sua carreira no ano passado, fez pelo menos cinco defesas decisivas no primeiro tempo do jogo e foi o principal destaque da partida.

Num jogo que, na teoria, se desenhava fácil para o Bota, pela colocação dos times na tabela e perspectivas de cada um no campeonato, a Cabofriense começou assustando e aprontou uma blitz de time grande pra cima de Renan enquanto o Botafogo assistia atônito ao bombardeio e demorava a reagir. A esperada reação ao estado de letargia crônica só viria no 2o. tempo como, aliás, tem acontecido nas últimas partidas do Alvinegro.

Veja as defesas decisivas de Renan nas imagens do Lancenet




Mas, pra felicidade geral da nação, o Glorioso venceu o aguerrido adversário. Foi pelo placar mínimo, porém com um golaço de Sassá (22'/2o.T) - o seu primeiro na competição -, um jovem atacante à procura de espaço, forte e, na maioria das vezes, precipitado, que tem entrado no decorrer dos jogos - participou de todos -, nem sempre com um desempenho técnico satisfatório mas sim, com muita disposição - o que tem sido a marca desse time.

Veja os melhores momentos da partida e o golaço de Sassá (Lancenet)




Com o gol, Sassá dividiu com Renan os holofotes da partida e o que poderia - com a confiança que o gol da vitória dá aos artilheiros - ser o início de uma trajetória de crescimento no time e na carreira, por hora fica adiada com a lesão que o jogador sentiu momentos após o feito.

BotafogoOficial
O que importa é que, com a atuação perfeita de Renan e a impetuosidade do jovem Sassá, o Botafogo conseguiu seu principal objetivo na rodada: vencer o jogo e chegar a ponta da tabela. Liderança que veio a se confirmar mais tarde com o resultado do clássico no Maraca, em que o Vasco foi derrotado e ficou dois pontos atrás, em 4o. lugar.

Perdemos nosso laterais - Gilberto e Carleto - para o próximo compromisso contra o Barra Mansa, na quarta-feira, no Raulino de Oliveira, e teremos que improvisar. O time parece desgastado e ainda vai ter que se deslocar até Volta Redonda na semana do duelo contra os cruzmaltinos. Mesmo com as prováveis voltas de M. Mattos e Bill, o desgaste vai pegar.

Vamos aguardar as soluções que René dará para os desfalques e torcer por mais uma vitória para manter a liderança e incrementar o clássico de domingo contra o Vasco, confirmado para o Niltão.

Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com