sábado, 8 de agosto de 2015

Olha o tamanho da nossa encrenca pra hoje!



Tabela atualizada 
O Botafogo passou as últimas três rodadas sem vencer, duas delas jogando em casa, e perdeu a oportunidade de colocar frente sobre adversários que brigam pelo G-4, o que lhe daria uma tranquilidade importante para encarar os confrontos mais difíceis que ainda tem pela frente.

O de hoje, no Arruda, contra o Santa Cruz é um deles. Não tanto pela campanha do adversário - o Santinha somou 22 pontos e ocupa apenas a 12a. posição -, mas pelo clima de euforia que tomou conta da torcida com a estreia de Grafite e pela motivação da equipe que, agora mais confiante, já fala na conquista dos três pontos.

Pela mobilização da torcida durante a semana, a  festa nas arquibancadas está garantida. É esperado um público superior a 50 Mil torcedores e, quer queiram quer não, isso faz uma diferença tremenda. Jogando para públicos superiores a 35 mil como visitante, o Botafogo consegui apenas dois empates, contra o Ceará (0 a 0) na 11a. rodada e Bahia (1 a 1) na 14a.

 Veja o nosso post do começo da semana que previa essa situação: Blog do Felipaodf: Abre o olho, Botafogo!

O Botafogo já havia perdido a liderança do campeonato na abertura da 17a. rodada quando o América-MG venceu o Paraná por 2 a 0, somou 31 pontos, e assumiu a ponta da tabela. A coisa piorou um pouco com os jogos de ontem. Em casa, o Bahia não teve dificuldades de vencer o Boa Esporte por 4 a 1 e ultrapassou o time mineiro com os mesmos 31 pontos. Agora tem o mesmo número de vitórias (9) e apenas um gol de saldo a mais, o que lhe dá a vantagem. Com o resultado, o Glorioso caiu para terceiro (30) e precisará vencer o jogo de hoje pra recuperar a ponta da tabela. Em caso de empate, pode até sair do grupo de elite caso Vitória e Náutico (28) vençam seus compromissos.

Confira a posição de cada time e os próximos jogos na tabela completa a seguir: http://felipaodf.blogspot.com.br/p/carregando-tabela-do-brasileirao_21.html


No Botafogo, Ricardo Gomes teve uma semana inteira de treinamentos e viajou para Recife sem divulgar a equipe que inicia o jogo. Com tudo, é certo que Neilton terá a chance de começar o jogo no lugar de Sassá. Existe um dúvida sobre a permanência do jovem Diérson como titular. Um dos novos volantes contratados pode pintar. Serginho, mais experiente, está cotado.

A boa notícia fica por conta da volta do lateral direito Lus Ricardo a sua posição O jogador fez muita falta enquanto esteve fora por contusão. Com sua ausência, o time perdeu muito em criatividade e mostrou dificuldades na saída de bola a partir da defesa. Na frente, Navarro está pronto pra ter uma chance efetiva depois de se apresentar bem nos 10 minutos que teve contra o Criciúma. Deve ficar como opção ou mesmo ocupar a vaga do jovem Luis Henrique que ficaria como opção no banco.

Jardel terá mais uma chance de firmar como titular ao lado de Octávio, depois de longo tempo fora do time por contusão. Daniel Carvalho, Thomas e Elvis aguardam uma nova chance de começar um jogo. Lulinha e Sassá devem ficar como no banco e podem ser utilizados no decorrer da partida.

O time deve formar com: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Serginho (Diérson), Willian Arão, Diego Jardel e Octávio; Neilton e  Navarro (Luis Henrique).

Pelo lado do Santa Cruz, não tem mistério. O técnico Marcelo Martelotte confirmou o time com duas alterações. Promoverá a entrada de Vitor na lateral-direita e, como já era esperado, Grafite no setor ofensivo.

Já Anderson Aquino, terá uma nova função por conta da entrada de Grafite. O artilheiro da Série B vai compor o meio-campo atuando pela ponta esquerda, com João Paulo centralizado e Lelê pelo lado direito.

Sendo assim, o time do Santa Cruz para o jogo de hoje vai formar com: Tiago Cardoso; Vítor, Danny Morais, Neris e Marlon; Wellington Cézar, Bileu, Lelê, João Paulo e Anderson Aquino; Grafite.


Abre o olho, Botafogo!

Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com