quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Os gols voltaram e com eles, a vitória


Vibrai, torcedor alvinegro! Os gols voltaram e com eles, a vitória também.



(Lancenet)
Não é pra tanto, mas o fato de marcarmos 3 gols em uma mesma partida depois de passarmos três rodadas seguidas sem balançar as redes adversárias - dois empates de 0 a 0, contra Criciúma e Luverdense, e uma derrota por 1 a 0 para o Santa - merece ser comemorado, ainda mais por termos retomado o caminho das vitórias, depois de um jejum de quatro jogos sem vencer, que nos garantiu o retorno ao G-4 de onde havíamos saído pela combinação de resultados antes do jogo contra o ABC. Só para se ter uma ideia, o último gol marcado pelo Botafogo havia sido de Luis Henrique no empate de 1 a 1 com o Bahia, na Fonte Nova, em jogo válido pela 14a. rodada.

(Lancenet)
A partida de terça-feira ã noite, no Nilton Santos, serviu também para a nova dupla de atacantes alvinegros desencantar na competição. Navarro cravou duas vezes, mostrando qualidades no cabeceio na sua segunda partida como titular, e Neilton fez o seu primeiro gol com a camisa alvinegra completando, com oportunismo, uma bola tabela com Daniel Carvalho. Por falar no Daniel, o jogador fez a sua melhor partida desde que chegou ao Alvinegro como uma aposta para o meio. Com uma atuação convincente e digna de suas qualidades técnicas invejáveis, o meia trabalhou bem na armação das jogadas, comandou o time e consegui completar uma partida inteira o que dá novo alento ao torcedor. Daniel andava meio esquecido até Ricardo Gomes resolver apostar nele. A sua atuação serviu pra melhorar a imagem junto ao torcedor que andava meio arranhada depois de atuações pouco convincentes por falta de mobilidade e precipitação nos passes.

(Lancenet)
Apesar de ainda não demonstrar o futebol vistoso e eficiente como querem os torcedores, o time já mostrou uma certa evolução sob o comando de R. Gomes. Mantendo a mesma base das equipes anteriores, mas com Daniel na vaga de Octávio, o time ganhou qualidade na movimentação e experiência no controle do jogo e posse de bola.

A transição do meio para o ataque já havia melhorado um pouco com a entrada do volante Serginho no time. Essa mexida deu mais segurança ao setor. Mais solto, Willian Arão voltou a aparecer no apoio ao ataque como ocorria nos tempos em que jogava ao lado de Marcelo Mattos e foi um dos destaques do time no começo de temporada.

Mas, por ironia do destino, quando mais o Botafogo pressionava para abrir o placar, Arão errou feio ao tentar virar uma bola para a esquerda, proporcionando um contra-ataque fatal do adversário. A bola foi cruzada rasteira para a área e Edno, oportunista, fez 1 a 0 para o ABC, aos 12'.

Quando o temor por mais um mal resultado em casa tomava conta do imaginário do torcedor, o uruguaio Navarro apareceu no jogo e numa cabeçada precisa da entrada da área, venceu o goleiro potiguar e empatou a partida, aos 21'. Animado com o empate e empurrado pela torcida, o Bota partiu pra cima de vez e conseguiu virar a placar aos 30', com Neilton. Daniel Carvalho, o dono do jogo a essa altura, roubou uma bola na dividida com o zagueiro, tabelou com o atacante que completou sem muito trabalho pro gol, aos 21'. Com o 2 a 1, o alívio foi geral nas arquibancadas.

Sobre Neilton, escrevemos no post de pré-jogo (Acesse e veja: Blog do Felipaodf: Tudo por um gol... Tudo por uma vitória pra espantar a crise): ... é a aposta da vez mas continua sendo uma incógnita já que não joga uma partida inteira a muito tempo. O cara vai precisar de incentivo e paciência da torcida até que se torne efetivo e marque um gol decisivo. Quem sabe, hoje?...

Caindo mais pela direita no segundo tempo, Daniel Carvalho fez outra bela jogada ao colocar a bola com precisão na cabeça de Navarro já dentro da área. Com estilo e precisão ao estilo de El Loco, o uruguaio testou para o gol aos  9', decretando números finais ao placar: 3 a 1.

Veja os melhores momentos:


Uruguaio brilha e Botafogo vence ABC de virada... por LANCETV


A primeira vitória de Ricardo Gomes serviu para comemorar os 111 anos do futebol do clube (que ocorreria no dia seguinte) e para dar tranquilidade ao time que terá um copromisso duríssimo no sábado (16:30) contra o América-MG, no Horto. É uma disputa direta por posições no G-4 na casa do adversário como já havia ocorrido em Salvador, contra o Bahia. O Coelho ocupa a 2a. posição, com 34 pontos, enquanto o Glorioso está em terceiro, com 33.

Confira a posição de cada time e os próximos jogos na tabela completa a seguir: http://felipaodf.blogspot.com.br/p/carregando-tabela-do-brasileirao_21.html

Jogando em casa contra o modesto ABC, não poderíamos pensar em nada diferente do que uma vitória convincente e ela veio. Já contra o time mineiro, vamos precisar melhorar muito nos fundamentos para voltarmos ao Rio com uma vitória. Nossa bola parada ainda é muito ruim assim como a cobertura dos laterais, principalmente pela esquerda onde Carleto, em péssima fase, virou alvo preferido das investidas adversárias para forçar o jogo. Precisamos arriscar mais de fora da área e fazer a transição para o ataque com mais rapidez e qualidade. Faz tempo que não vemos uma boa chegada do pessoal que vem de trás - Giareta tentou uma contra o ABC mas ainda é muito pouco para as nossas possibilidades.

Vamos aguardar os dias de treinamento e a confirmação da equipe para avaliar as nossas possibilidades, em Belô. Certo é que não contaremos com Luis Ricardo, suspenso por levar o 3o. cartão amarelo, e o seu substituto - Diego - ainda  não está pronto pra posição.

Força, Botafogo!

Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com