quinta-feira, 8 de outubro de 2015

O que vamos encontrar pela frente



No primeiro turno, o Botafogo só empatou com o Ceará antes de enfrentar o Bragantino e estamos na semana que antecede esses jogos no returno. Você lembra como foi no primeiro?



Montagem do Rodrigo Pimpão Oficial
utilizada na chamada do jogo

O Botafogo está há sete dias sem jogar e vai ficar mais sete até o próximo compromisso contra o Bragantino, sábado, dia 17/10, às 16h, no Estádio Nilton Santos. Um jogo pra matar a saudade do time, em dia e horário nobres do futebol na série B, que merece a presença maciça da torcida. Tudo isso, por conta do remanejamento de jogos promovidos pelas CBF para não prejudicar os clubes com a cessão de jogadores - no caso, Jefferson - para a Seleção com vistas aos dois jogos válidos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo nessa semana.

Pois bem, além do longo tempo de descanso (14 dias) houve também uma inversão na ordem desses jogos. A partida contra o Ceará, válida pela 30a. rodada iniciada na última terça-feira, dia 06/10, foi reprogramado para a terça-feira, 20/10, e a contra o Bragantino, válida pela 31a. rodada, foi antecipado para sábado, dia 17/10, ambas marcadas para o Niltão.

Enquanto isso, o time segue treinando e ajustando as fileiras para a briga que promete muitas emoções nessa reta final de campeonato. Mas você, torcedor alvinegro, lembra como foram os duelos contra esses dois times no 1o. turno?

Jogando no Castelão pela 11a. rodada (07/07), o Botafogo só empatou com o Ceará - um resultado muito contestado pela torcida na oportunidade. Tanto foi assim que cobrávamos mais ousadia do técnico René na montagem do time para o confronto seguinte, contra o Bragantino. Veja o que escrevemos no post de pré jogo: Blog do Felipaodf: Um pouco mais de ousadia pra botar frente sobre os adversários

Quando enfrentou o Braga no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela 12ª rodada (10/07), o Botafogo já era líder da competição com 24 pontos, enquanto o time paulista ocupava a 13a. posição com 13 pontos. Hoje, às vésperas do confronto do 2o. turno, o Glorioso continua líder com 56, enquanto o time Alvinegro Bragantino está em nono com 45. O jogo promete, portanto. 



Tabela atualizada com os jogos da 30a. rodada.
Botafogo e Vitória não jogaram ainda.
Já contra o Ceará, o Fogão não saiu do 0 a 0. Somou apenas um ponto mas foi o bastante para colocar frente sobre o Paysandu (22) que era o segundo colocado na ocasião. América-MG e Bahia, com 21 pontos, completavam o G-4 seguidos de perto por Náutico (21), Vitória (20) e Macaé (18) que hoje tem 34 pontos e está uma posição acima do Z-4. Esperamos que os macaenses consigam, pelo menos, permanecerem na segunda divisão e lutar pra subir no ano que vem.

A discussão na oportunidade era saber qual a estratégia de jogo seria adotada por René pra vencer o lanterna do campeonato, que precisava desesperadamente de uma vitória e jogava em casa diante de sua imensa torcida. Jogaríamos nos contra-ataques aproveitando a nova formação tática com Pimpão e Luis Henrique ou proporíamos o jogo desde o começo impondo nossa posição de líder? A primeira ideia prevaleceu mas nem tudo saiu como o combinado. 

A estratégia se perdeu na lentidão de Daniel Carvalho que, muito marcado, não consegui municiar o ataque e nem dar ritmo no jogo. O meia perdeu bolas fáceis na transição para o ataque o que deixou Luis Henrique completamente isolado lá na frente. O mesmo problema enfrentado por Bill quando era o dono da posição antes de deixar o clube. O talento de LH9 só apareceu num balaço do atacante no travessão cearense, ainda no primeiro tempo, que valeu o ingresso.

O panorama se repetiu no segundo tempo e o negócio só esquentou nos minutos finais da partida quando os dois times partiram para o ataque e tiveram as melhores chances de abrirem o placar. Foi aí que Jefferson imperou no jogo com defesas magistrais, o que já não é mais novidade no campeonato há nove rodadas do seu final. O goleiro alvinegro é disparado, o melhor jogador da competição. Uma dessas defesas foi numa cabeçada a queima roupa que ele mesmo elegeu como uma das mais belas de sua carreira e será, naturalmente, acrescentada ao DVD pessoal. Quem não gostou foi a torcida adversária que, atônita, parecia não acreditar no que estava acontecendo. Pagaram pra ver o show do Jefferson.
  

Relembre os lances do jogo





Nessa partida, jogadores que vinham se destacando nas rodadas anteriores, como Pimpão e Arão, não foram muito bem. Pimpão teve chances claras pra marcar e não converteu. O meia falhou muito na marcação e quando foi à frente, perdeu gol feito ao exitar na hora do arremate. O lateral Luis Ricardo, que já se projetava como uma boa opção do meio pra frente, produziu a melhor jogada da partida numa penetração fantástica na área adversária que culminou com um arremate sem convicção de Lulinha, que perdeu gol certo. 

No final, levando-se em conta a falta de ousadia do time de René, o empate acabou sendo um resultado aceitável diante da aplicação tática demonstrada pelo Ceará do técnico Geninho, que assumiu o cargo três dias antes do jogo e acertou o time. Porém, contudo, todavia, entretanto Geninho não permaneceu por muito mais tempo e o Vozão, com novo técnico, continua sua agonia pra escapar do rebaixamento. Hoje o representante cearense ocupa a 17a. posição com 26 pontos e está há oito pontos do Macaé, que tem 34.

Antes do confronto com o Botafogo, o Bragantino também passava por um momento conturbado e vinha de três derrotas consecutivas. E a solução, por incrível que pareça, foi a mesma adotada pela Ceará antes de nos enfrentar. Trocou o técnico às vésperas do jogo. Saiu Osmar Loss e entrou o interino Alberto Felix, que foi jogador do clube na década de 90. Curiosamente, essa era a terceira vez que o Botafogo enfrentaria um adversário que estreava novo técnico. Já havia acontecido nos empates contra o Boa Esporte (1 a 1) e Ceará (0 a 0).


O Botafogo entrou em campo com Jefferson, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Carleto; Diego Giaretta, Willian Arão, Tomas e Lulinha; Rodrigo Pimpão e Luis Henrique e o resultado vocês já sabem, né? 

Fomos derrotados por 1 a 0 pelo bravo Bragantino e a posição do técnico René começou a ruir. Mas isso é assunto para outro post.

Veja a sequência de jogos que temos pela frente



Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com.br