sábado, 19 de março de 2016

Botafogo encara o Madureira neste domingo e só a vitória interessa




Treino do Botafogo na Escola Naval
Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo
O BOTAFOGO encara o Madureira neste domingo com um único objetivo: repetir o aproveitamento alcançado contra os times de menor investimento ao longo da primeira fase do Cariocão. Foram cinco jogos - contra Bangu, Portuguesa, Macaé, Resende, Cabofriense e Boavista -, com cinco vitórias alvinegras.


Na oportunidade, o Glorioso permaneceu invicto (e ainda está) com a melhor campanha entre os todos os participantes. Com um time modesto mas ajustado, somou 22 pontos em oito rodadas e tenta repetir a performance nesta fase quando está em disputa a Taça Guanabara. Foram seis vitórias - as cinco contra os "pequenos" e mais uma contra o Flu - e apenas um empate, no clássico contra o Vasco.



A partida contra o Tricolor suburbano, válida pela 2a. rodada da TGB, está programada para o estádio Los Larios, em Xerém, às 18h30.


O Alvinegro vem de um empate (1 a 1) no clássico contra o Fluminense na estreia dos dois clubes na segunda fase do campeonato. O Bota abriu o placar aos 3 minutos do segundo tempo com um gol de Ribamar e tinha a partida sob controle quando o zagueiro Gun empatou o jogo para o Tricolor, escorando de cabeça uma cobrança de escanteio vindo da esquerda. Isso já nos acréscimos, quando eram decorridos 47 minutos da etapa complementar. Na saída de bola após o gol, o juiz encerrou a partida. O gol de Gun foi muito lamentado pelos botafoguenses, não só pelos dois pontos que escaparam quando a fatura parecia decidida, como pelo modo como aconteceu. A zaga alvinegra voltou a cometer o mesmo erro de posicionamento apresentado no comecinho da temporada e que parecia superado desde a efetivação da dupla de zagueiros formada por Carli e Emerson da base. Com isso, o problema voltou a ser trabalhado exaustivamente nos treinamentos durante a semana na Escola Naval e no sábado, no campo de General Severiano.




Infográfico da Gazeta Esportiva após a
 1a. rodada da TGB
Com o resultado, o Botafogo somou apenas um ponto e ficou posicionado na 4a. (5a.) posição da tabela entre os oito integrantes do Grupo C que disputam a Taça GB. O Vasco, o Boavista e o Flamengo, que venceram seus jogos, somaram três pontos e ocupam, pelos critérios de desempate, o primeiro, o segundo e o terceiro lugares. O Fluminense aparece na 4a. (5a.) posição com a mesma pontuação e gols do Botafogo.


Ricardo Gomes repetiu a dinâmica de treinamentos que vem adotando nas últimas semanas e realizou trabalhos táticos e técnicos específicos na Escola. No meio da semana, ensaiou mudanças na estrutura da equipe ao mexer no setor de ataque que tem apresentado baixa média de gols na temporada. Neilton e Luis Henrique foram testados nas vagas de Lindoso e Gegê, mas o técnico sinalizou que vai manter o mesmo time que começou o clássico contra o Flu. Dessa forma, os jogadores testados terão que aguardar uma melhor oportunidade para retornarem ao time titular e devem ser aproveitados no decorrer da partida se a situação estiver favorável.


Veja como foi a semana de treinamentos na Escola Naval e as formações testadas por Gomes: Botafogo faz treino apronto nesse sábado e encara ...





Provável escalação do Botafogo para o jogo
 contra o Madureira
O adversário vem de uma derrota para o Flamengo por 1 a 0 no jogo de abertura dessa fase, apesar de ter feito um bom jogo. Para o técnico do tricolor suburbano, o resultado foi injusto e o mais correto seria um empate. Para o jogo de domingo, Alfredo Sampaio pretende conquistar pontos jogando no erro do Botafogo.


Com a defesa consolidada com Carli e Emerson e o equilíbrio alcançado com o trio de volantes formado por Airton, Lindoso e Bruno Silva, Ricardo Gomes deve mandar a campo o time que empatou com o Fluminense, mantendo Gegê e Salgueiro pelo meio e o jovem Ribamar lá na frente.


O treinador prega respeito ao adversário mas exige que sua equipe sufoque o Madureira desde o primeiro minuto de jogo, impondo um ritmo forte em busca dos três pontos. É esperar pra ver.


FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO X MADUREIRA

Local: estádio Los Lários, em Duque de Caxias (RJ)
Data: 20 de março de 2016 (Domingo)
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Wendel de Paiva Gouvêa (RJ)

BOTAFOGO: Jéfferson, Luis Ricardo, Emerson Santos, Joel Carli e Diogo Barbosa; Aírton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Gegê; Juan Salgueiro e Ribamar
Técnico: Ricardo Gomes

MADUREIRA: Rafael, Daniel, Leozão e Jorge Fellipe; Formiga, Wiliam, Everton, Leandro Chaves e Gerley; Geovane Maranhão e João Carlos
Técnico: Alfredo Sampaio


Pra cima deles, Fogão!


Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com