quarta-feira, 30 de março de 2016

Botafogo precisa vencer pra trocar de posição com o Voltaço na tabela




Montagem de chamada do Sou Botafogo para o
 jogo contra o Volta Redonda 
O BOTAFOGO encara o Volta Redonda na noite dessa quarta-feira (19h30), em São Januário, pensando unicamente numa vitória que lhe garanta a permanência no G-4 e desbanque o time da Cidade do aço da vice-liderança da competição. 


O Bota soma quatro pontos e ocupa a quarta posição na tabela. Caso consiga o objetivo, somaria sete e, no mínimo, desbancaria o adversário, que tem seis e ocupa a segunda posição. Os outros integrantes do G-4 são o Vasco, líder com nove pontos; e o Fluminense, terceiro, com cinco. O Flamengo aparece em quinto com a mesma pontuação do Bota (4). 


O time alvinegro vem de uma derrota no clássico contra o Vaaco (1 a 0) e perdeu a invencibilidade de dez jogos que mantinha na temporada. Mesmo tendo sido em condições anormais, já que a arbitragem interferiu significativamente no resultado da partida, nunca, na história recente do clube, uma derrota para um rival valendo Taça foi absorvida com tanta tranquilidade. E isso se deve à maturidade tática que a equipe atingiu no pouco tempo de treinamento mesmo tendo sido forjada na adversidade - todos lembram do que aconteceu na transição da Série B para a atual temporada . É sabido que o Botafogo atravessa a mais grave crise financeira de sua história e que, apesar dos esforços da atual diretoria, está longe de acabar.



Tabela atualizada após a 3a. rodada
Fizemos um bom jogo contra o Vasco mas dois fatores impediram um melhor resultado: a má pontaria de nossos artilheiros - aí incluídos os meias, laterais e volantes - que chegavam constantemente na frente mas não acertam o alvo; e a má atuação do trio de arbitragem que beneficiou o Vasco ao não marcar um pênalti do zagueiro Rodrigo em Ribamar e de não ter expulsado o  jogador cruz-maltino em outra falta desclassificante, sobre o Bruno Silva, quando já havia levado um amarelo. Do gol anulado do Ribamar nem falo, já que o lance gerou dúvidas sobre o posicionamento do atacante e as opiniões ficaram divididas entre a torcida e o pessoal da imprensa.  



Quer saber mais sobre a partida de domingo, veja em: Botafogo absorve a derrota e foca em vitória contr...




Escalação alternativa com Neilton de titular 
(Ilustração: repórter Ricardo Oliveira /R.Manchete)

Apesar da derrota injusta de domingo, não há mais tempo para lamentações. A perspectiva para a sequência da competição é boa e o clima continua favorável. O time voltou a mostrar organização em campo e é com esse padrão de jogo que vamos em busca da vitória contra o Voltaço num confronto direto por posições, até porquê o Bota não perdeu pontos para os "pequenos" no campeonato e precisa manter os 100%. Foram sete jogos com sete vitórias.


Luis Ricardo continua se recuperando de lesão Diego será mantido no setor. O mesmo acontece com o zagueiro Emerson que sentiu um desconforto muscular no jogo de domingo e desfalca o time nesse jogo. Sem poder contar com Airton, suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo, Ricardo Gomes fez um trabalho técnico no último treinamento mas não deu pistas do time que sai jogando.


Se mantiver a lógica das últimas formações com três volantes, Renan Fonseca deve entrar na vaga de Emerson e Fernandes na de Airton. Se quiser mudar o esquema tornando o time supostamente mais ofensivo, Neilton pode ser aproveitado lá na frente, com Fernandes ficando como opção no banco de reservas. São essas as alternativas de Gomes para o jogo de hoje.


Por sua vez, 
o Volta Redonda vem de uma vitória sobre o Flamengo em seus domínios, onde tem mostrado muita personalidade. Mas, mesmo enfrentando o Bota em São Januário, o vice-líder pretende manter a atitude vitoriosa. Ao contrário de Gomes, o treinador do Voltaço não tem problemas de lesão ou suspensão. Com isso deve repetir o time que bateu o rubro-negro na última rodada, inclusive com a presença do artilheiro da competição, Tiago Amaral, que já tem nove gols. Olho nele!


Uma vitória contra o Volta Redonda, que já venceu dois dos grandes (Fla e Flu) no campeonato, é fundamental para as pretensões do Glorioso na Taça Guanabara já que só os quatro primeiros colocados no Grupo C seguem na disputa do título. A ordem é partir pra cima deles, com tudo.


BOTAFOGO X VOLTA REDONDA

Local: São Januário (RJ)
Data: 30 de março, quarta-feira
Horário: 19h30 
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Assistentes: Francisco Pereira de Sousa (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)

BOTAFOGO: Jéfferson, Diego, Renan Fonseca, Joel Carli e Diogo Barbosa; Rodrigo Lindoso, Fernandes, Bruno Silva; Gegê, Juan Salgueiro e Ribamar
Técnico: Ricardo Gomes

VOLTA REDONDA: Mota, Luís Gustavo, Luan, Maílson e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Dija Baiano e Vinícius Pacheco; Hugo e Tiago Amaral
Técnico: Felipe Surian


Saudações a todos e fiquem à vontade para comentar.




   Por @felipaodf/Botafogodeprimeira.com