quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Quem será a próxima vítima? Botafogo está pronto pra encarar o Santos e engatar a quarta




Chamada do jogo entre Botafogo e Santos, 
quarta-feira, na Arena da Ilha (BotafogoOficial)
Depois da vitória surpreendente sobre o Cruzeiro por 2 a 0 no último domingo, em pleno Mineirão, o Botafogo volta à Arena na Ilha do Governador-RJ onde recebe o Santos, às 19h30, no clássico mais clássico do futebol brasileiro, válido pela 25a. rodada do Brasileirão.

A última vez que o Botafogo enfrentou o clube praiano foi no primeiro turno, em 05 de junho (11h), no Pacaembu - 6a.rodada do Brasileirão. Estávamos na lanterna do campeonato (1v, 1e e 4d) com apenas 22% de aproveitamento. O time sofria com inúmeros desfalques desde a 1a. rodada e vinha de derrota para o Cruzeiro (1 a 0), o que baixou ainda mais a confiança da equipe. A torcida estava preocupada com a colocação na tabela e com o baixo rendimento do goleiro Helton Leite que havia tomado um gol por debaixo das pernas contra o Cruzeiro em Brasília e levou mais três na partida contra o Santos com extrema facilidade. Saiba qual era o clima que rondava a equipe e o que escrevemos na resenha após o jogo: Blog do FelipaoBfr: Procura-se um time pra chamar de Botafogo

Não por culpa dele, mas Helton levou um chapéu humilhante no primeiro gol dos santistas. Falhou feio no segundo ao não interceptar o chute fraco e rasteiro de Paulinho (o ex-flamenguista) que praticamente decretava a derrota do time alvinegro no primeiro tempo. Ainda nessa partida, numa chance rara de ressurreição, o atacante Neiton foi derrubado dentro da área e sofreu pênalti que ele mesmo bateu, pra fora. Pra derrubar de vez, o terceiro gol santista nasceu de um lance de escanteio em que Bruno Silva, desajeitado, mandou contra o patrimônio fechando o caixão alvinegro.

Hoje os tempos são outros apesar do clube estar enfrentando o mesmo problema que enfrentava no primeiro turno, com vários jogadores lesionados. Só pra se ter uma ideia, estão fora do jogo o goleiro Jefferson, Luis Ricardo, Carli, Lindoso, Fernandes, Airton e agora Sassá.

Mesmo assim, os alvinegros estão em êxtase e tem motivos pra isso - já são cinco vitórias em seis jogos no returno e a equipe passou a brigar na parte de cima da tabela se distanciando da zona de rebaixamento. Porém, o campeonato não acabou e temos muito chão pela frente até atingirmos o nosso objetivo que não precisamos repetir aqui.

O próximo obstáculo é o excelente time do Santos que vem de uma vitória importante sobre o Corinthians por 2 a 1 no clássico paulista e ocupa a quinta posição na tabela com 39 pontos. Já o Botafogo atravessa o seu melhor momento na competição - tem a melhor campanha do returno ao lado Flamengo -, venceu com autoridade o Cruzeiro por 2 a 0 e ocupa a nona posição com 35. Joga em sua casa na Ilha onde a torcida deve fazer a diferença na busca por mais uma vitória, que seria a quarta na sequência. Esse é o sentimento...


Veja como foi a preparação da equipe para o jogo contra o Santos: Blog do FelipaoBfr: Quem será a próxima vítima? Bota abate Raposa em p...


Jair não definiu a escalação pro jogo de hoje em razão dos desfalques importantes no grupo. O artilheiro do time com 10 gols, Sassá ainda sente a coxa e deve ser substituído pelo chileno Canales, que entrou contra o Cruzeiro e marcou o seu primeiro gol pela equipe. Porém, as dúvidas na formação da zaga e meio de campo continuam. É possível que vejamos a seguinte formação em campo, caso Jair não queira mudar profundamente a equipe que iniciou o jogo contra o Cruzeiro: Sidão, Emerson (Diego), Renan Fonseca (Emerson), Emerson Silva, Victor Luis; Bruno Silva, Dudu Cearense, Diogo Barbosa, Camilo; Neilton e Canales.


Primeira página da tabela do Brasileirão após a 
24a. rodada com o Botafogo na 9a. posição
Provando o bom momento do Botafogo na competição, de 18 pontos possíveis nas últimas seis rodadas, o Bota fez 15. Venceu o São Paulo (1x0) e o Sport (3x0), perdeu para o Atlético-PR (1x0) e voltou a vencer o Grêmio (2x1) em jogo adiado do 1o. turno, Fluminense (1x0) e o Cruzeiro (2x0) no domingo passado o que dá um rendimento de 83,3% na era Jair (returno) e de 48,6%, considerando-se todo o campeonato. Já o Santos, apesar de vencer o rival Corinthians no domingo, vem de três derrotas seguidas nas rodadas que antecederam o clássico.

Restando 14 rodadas para o final e 42 pontos em disputa, o Glorioso precisa fazer mais 11 (3v+2e) e chegar a 46 para se livrar matematicamente do descenso - nosso principal objetivo na competição.

Desde que assumiu o comando técnico da equipe no começo do returno, Jair Ventura vem impondo seu estilo de trabalho - mais dinâmico -, tanto nos treinos como à beira do campo. Apesar de manter a formação básica e o esquema tático utilizado por R. Gomes - com variações ditadas pelos útimos desfalques - o Botafogo de Jair já apresenta mudanças: fica menos tempo com a bola, troca menos passes mas é muito mais efetivo no ataque e mais consistente na defesa. 

Mesmo com os desfalques, o time deve se portar hoje como vem atuando nas últimas partidas dentro e fora de casa: com espírito combativo e inteligência para ditar o ritmo do jogo. Vamos pro jogo...

Clique e veja a tabela de classificação completa e os próximos jogos do Botafogo pelo Brasileirão: http://felipaodf.blogspot.com.br/p/classificacao-carregando.html


FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X SANTOS

Local: Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 14 de setembro de 2016, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo H Schleich Vollkopf (MS)
Assistentes: Cicero Alessandro de Souza (MG) e Marcos dos Santos Brito (MS)

BOTAFOGO: Sidão; Emerson (Diego), Renan Fonseca (Emerson), Emerson Silva e Victor Luis; Bruno Silva, Dudu Cearense, Diogo Barbosa e Camilo; Neilton e Canales
Técnico: Jair Ventura

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Zeca; Renato, Thiago Maia, Lucas Lima e Vitor Bueno; Jean Mota (Walterson ou Vecchio) e Ricardo Oliveira
Técnico: Dorival Jr.


Saudações a todos e fiquem à vontade para comentar.