terça-feira, 15 de novembro de 2016

Com a formação que for, Bota precisa sufocar a Chape na Arena




Chamada do jogo de RodrigoPimpãoOficial 
O Botafogo encerrou a preparação para o jogo de hoje contra a Chapecoense, com um trabalho coletivo em General Severiano longe das vistas da imprensa. Depois do treino-apronto, a única certeza era que o técnico Jair Ventura vai levar a dúvida sobre o esquema a ser utilizado até momentos antes da partida. Mais do que nunca, Ventura não sabe se manda a campo um time mais dinâmico, com Diogo Barbosa improvisado pelo meio ao lado de Camilo, ou um mais tradicional formado pelo trio de volantes Bruno Silva, Lindoso e Airton.

Da forma que for, o Botafogo precisa tomar as rédeas do jogo desde o começo e vencer a partida, até porquê ainda tem obetivos importantes a acançar e volta a jogar na Arena diante de sua torcida. Quanto a Chape, assim como nas temporadas anteriores, se mantem no meio da tabela desde o começo - sem riscos de descenso e sem possibilidades de alcansar o G6.

Depois de uma interrupção de dez dias por conta dos jogos da Seleção Brasileira, o Campeonato Brasileiro foi retomado ontem à tarde no Maracanã com o Fluminense amargando um empate de 1 a 1 contra o Atlético-PR. Em oitavo e em sexto lugares respectivamente, tricolores e rubro-negros paranaenses ainda lutam por vaga na Libertadores mas não ameaçam a posição do Botafogo que está em quinto. A rodada de no. 35 terá prosseguimento nesta quarta com muitos jogos - entre eles, Botafogo x Chapecoense na Arena - e será finalizada em grande estilo na quinta, com o Galo recebendo o Pameiras, no Independência, numa briga direta no G4.


Torcida Alvinegra na Arena Botafogo 
(Botafogo Oficial)
O Botafogo não joga deste o sábado, dias 05, quando visitou o Flamengo no Maracanã e empatou em 0 a 0. Desde então vem treinando forte no CT de General e na Ilha, com trabalhos específicos visando melhorar o rendimento do ataque que passou em branco nos últimos dois compromissos - Coxa e Fla.

Com a volta de Airton, que ganhou dois dias de folga para casar (veja o nosso post de fim de semana: Num fim de semana sem jogo do Botafogo, o mito Airton rouba a cena... ) e de Camilo, poupado dos trabalhos coletivos do começo da semana, Jair começou a definir a melhor estratégia para enfrentar a Chape com treinos secretos, longe dos olhos da imprensa. Com variações táticas entre dois esquemas - um com dois volantes, dois meias e dois atacantes e outro com os tres volantes, um meia e dois atacantes - Ventura só deve liberar a escalação momentos antes do jogo. A opção com Diogo Barbosa pelo meio ao lado de Camilo e Neilton e Pimpão lá na frente foi muito trabalhada nesse período, com trocas constantes de posicionamento entre os dois laterais-esquerdos e uma movimentação constante entre os dois homens de frente que se revezavam pelas pontas e por dentro. Essa formação mais ofensiva, na qual apostamos durante a semana e parecia ser a favorita pra entrar em campo (veja no post: Botafogo quase pronto pra sufocar a Chape na Arena... ), perdeu força nos útimos dias diante da mais utilizada nos últimos jogos, com os três volantes. Inegavelmente, na primeira o time assume uma postura mais ofensiva e privilegia o setor de ataque que parou de marcar, mas isso parece não ter sido o bastante para o técnico se decidir por uma ou por outra já que se mostrou mais cauteloso com o jogo nos últimos dias.

Nessa formação, um dos volantes seria sacado e esse parece ser o constrangimento de Jair. Escolher quem sai entre Lindoso, Bruno Silva e Airton não é tarefa fácil nas atuais condições do time. Airton está em grande fase e é um dos destaques do segundo turno; Bruno Silva tem feito boas partidas e chega muito bem ao ataque enquanto Lindoso oferece uma proteção ao sistema defensivo que não pode ser desprezada. Quem deve ser o escolhido para começar no banco, torcedor?

Já no ataque, não resta dúvidas quanto a melhor formação. Com Sassá suspenso e fora do jogo, Neilton e Pimpão (muito elogiado pelo técnico por sua disposição tática) nadam de braçada. Luis Henrique, Vinícius e Renan Gorne podem entrar no decorrer da partida dependendo da necessidade.


Tabela atualizada após a abertura da 35a. rodada.
Botafogo permanece na 5a. posição (SporTV)
Analisando a rodada, o Botafogo tem uma invencibilidade de sete jogos à zelar e precisa voltar a vencer em casa para carimbar a vaga na Libertadores de uma vez.

O empate na última rodada não foi de todo ruim já que os concorrentes diretos por uma vaga na Libertadores foram derrotados. O Glorioso permaneceu na 5a. colocação sem que possa ser alcançado nesta rodada. Com 55 pontos, permanece com com frente de três pontos sobre o Atlético-PR que empatou hoje e soma 52. na 6a. posição.


Clique e veja a tabela de classificação completa e os próximos jogos do Botafogo pelo Brasileirão: http://felipaodf.blogspot.com.br/p/classificacao-carregando.html


É reta final e você não pode perder nenhuma

partida do Botafogo de Futebol e Regatas (PFC)
O Alvinegro não fez gol nas últimas duas partidas mas também não levou. Continua com a defesa menos vazada do returno com cinco gols sofridos e voltou a ter a segunda melhor campanha dessa fase, abaixo apenas do Palmeiras que lidera a competição. Com 32 pontos somados em 15 jogos nessa fase, o aproveitamento é de 71,1% com 10 vitórias, 2 empate e 3 derrotas. Se tomarmos por base todos os 34 jogos disputados no campeonato, o aproveitamento passa para 53%, com 16 vitórias, 7 empates e 11 derrotas. O Botafogo ainda tem pela frente a Chapecoense (c) amanhã, o Palmeiras (f), a Ponte Preta (c) e o Grêmio (f) na sequência.

Com relação as vagas para a Libertadores, Palmeiras, Santos, Flamengo e Atlético-MG já estão classificados. Já o Botafogo teve suas chances ampliadas para 92,9% e se coloca à frente do CAP (52,8% falta atualizar com o jogo de ontem), Corinthians (31,6%), Grêmio (11,5%) e Fluminense (9,9%, idem quanto à atualização), seus concorrentes diretos na disputa.

A  última vez que o Botafogo enfretou a Chape foi no dia 24 de julho na Arena Condá pela 16a. rodada do Brasileirão. O time catarinense venceu por 2 a 1 e empurrou o Botafogo para Z-4. Hyoran e Lucas Gomes marcam para o Verdão do Oeste e Camilo descontou de falta para o Alvinegro.

Nesta quarta, com previsão de uma Arena lotada, a coisa precisar ser diferente. Jogando fora, dominamos o jogo, tivemos mais posse de bola, mais chances de gol mas saímos derrotados. Agora em casa, precisamos repetir a mesma pressão até garantírmos a vitória.


BOTAFOGO X CHAPECOENSE

Local: Arena Botafogo, Rio de Janeiro (RJ)
Data e horário: quarta-feira, 19h30 (horário de Brasília)

Escalação provável: Sidão; Alemão, Carli, Emerson e Victor Luís; Airton, Lindoso, Bruno Silva (Diogo Barbosa) e Camilo; Neilton e Pimpão

Desfalques: Jefferson, Canales e Luis Ricardo, além de Sassá (suspenso)
Pendurados: Sidão, Airton, Carli, Emerson, Neilton, Pimpão, Bruno Silva, Victor Luis, Dudu Cearense, Emerson Silva, Anderson Aquino, Fernandes, Renan Fonseca e Tanque

Arbitragem: Dewson Freitas da Silva (PA) apita o jogo, auxiliado por Márcio Gleidson Correira Dias (PA) e Helcio Neves (PA)


Saudações a todos e fiquem à vontade para comentar.



 Por @FelipaoBfr/Botafogodeprimeira.com