terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

É hoje o dia... Botafogo está pronto para a batalha de Assunção




Acredito...
Acredito ser o mais valente nessa luta do rochedo com o mar
E com o ar!
É hoje o dia da alegria
E a tristeza, nem pode pensar em chegar...

É o que espero estar cantando hoje no fim do jogo, após a nossa classificação. Quando arrumei tempo pra escrever esse post estava com esse samba-enredo belíssimo da Ilha na cabeça e resolvi compartilha-lo com vocês, não só pelo alto-astral contido nos seus versos, que se presta perfeitamente aos momentos vividos por nossa torcida nessas horas que antecedem a partida decisiva em Assunção, como por sua melodia fácil e cadência alucinante que pode (deve) embalar a nossa festa pela classificação e proporcionar um desembarque fascinante na próxima fase e no próprio carnaval (que se aproxima). Assim esperamos!

*Leia o texto ao som do samba. Aperta o play DJ (é um barato total)

 
Samba-enredo da União da Ilha no carnaval de 1982. De autoria de Didi e Mestrinho,
não deixa de ser um samba-exaltação.



Hoje tem decisão na Libertadores. Que Deus nos abençoe 
nesta batalha! #Camilo #Botafogo #VamosFogão #Libertadores
Mas tudo isso vai depender do desempenho de nosso time na decisão de de hoje. Já em terras paraguaias, o grupo alvinegro fez um último treino antes do jogo na terça-feira. Longe das vistas da imprensa, Jair comandou um trabalho tático realizado no Estádio Feliciano Cáceres do Club Sportivo Luqueño, rival do Olímpia com quem disputamos uma vaga na fase de grupos da Libertadores. O jogo está programado para às 21h45 desta quarta-feira, no Defensores Del Chaco, estádio da Federação Paraguaia de Futebol.

No domingo, o time reserva jogou e venceu o Boavista por 3 a 2  em Saquarema, encerrando a participação no 1o. turno do Campeonato Carioca já sem chances de classificação. Por questões óbvias o Botafogo utilizou o 1o. turno do Estadual para dar rodagem aos jogadores suplentes. Tanto é assim que o técnico Jair Ventura utilizou os titulares apenas uma vez na competição, na estreia contra o Madureira. Contra o time do Papai Joel, Fernandes (2) e Leandrinho (1) foram os destaques. Os meias marcaram os gols alvinegros e o bom desempenho no jogo valeu uma vaga na delegação que viajou à Assunção ao jovem Leandrinho, como já havia acontecido com Matheus Fernandes e Guilherme em oportunidades anteriores. Foi também nos jogos pelo Estadual que o zagueiro Marcelo ganhou a posição de titular e jogou as três partidas decisivas pela Liberta. O jogo contra o bravo Boavista serviu ainda para dar rodagem ao zagueiro Joel Carli. O Xerifão alvinegro, que ficara no banco contra o Olímpia, fez a sua primeira partida do ano e, apesar da falta de ritmo, teve uma atuação bem razoável que pode ter garantido uma vaga no time que sai jogando hoje.

Veja o que escrevemos sobre o tema no post do começo de semana: Blog do FelipaoBfr: Botafogo faz último treino no Rio e embarca para a batalha contra o Olímpia em Assunção...


 
#FogoEmAssunção! Olha aí os botafoguenses no Rio Paraguai! 
Torcedores marcam presença pelas ruas do país!
Na busca pela vaga restante no Grupo 1, onde já estão qualificados o Estudiantes-ARG, Atlético Nacional-COL e Barcelona-EQU., o Botafogo venceu a primeira batalha no estádio Nilton Santos e busca, no Defensores del Chaco, a tão sonhada classificação. Pela vitória por 1 a 0 em casa sem levar gols, o Glorioso joga com a vantagem do empate. Caso faça um ou mais gols na casa do adversário, as chances de classificação se ampliam podendo se classificar mesmo com derrota desde que seja pela diferença de um gol.

Apesar da vantagem, não vamos ter vida fácil hoje. O time paraguaio é experiente, deu trabalho no Rio e vai vender caro uma possível classificação jogando em seus domínios e com o apoio de sua torcida (cerca de 30 mil).

O Olímpia deve explorar a sua jogada característica, trabalhando a bola pelos flancos com cruzamento alto para os atacantes na área como fez no primeiro jogo, principalmente quando o veterano Roque Santa Cruz, um especialista no cabeceio, entrou no 2o. tempo. Mais do que nunca, vamos precisar de eficiência e entrosamento no nosso setor defensivo que pode contar com o deslocamento de Marcelo para a lateral-direita na vaga de Jonas (suspenso) e a entrada de Joel Carli ao lado de Emerson Silva pelo meio. O jovem Marcinho seria a opção lógica para a lateral mas o jovem perdeu força com as atuações pouco convincentes no Estadual, inclusive na última partida, contra o Boavista.

Uma outra variável na formação da equipe seria uma mudança na frente. Roger pode formar a dupla de ataque com Pimpão ou ceder a vaga a Rodrigo Lindoso no caso do técnico optar por fechar ainda mais o meio, artifício que já utilizou no jogo contra o Colo-Colo, em Santiago, e saiu com o empate que nos deu a classificação.

Tudo vai depender das observações e estratégias que o técnico Jair Ventura preparou para esse jogo.
Veja o que ele disse na entrevista após o treino confundindo mais os repórteres: - Se você olhar nossa equipe, temos algumas maneiras de jogar. Dentro da partida mudamos de acordo com o que se desenha. Em alguns momentos somos um pouco mais ofensivo, em outros defensivos. A gente passa isso para os atletas.



Provável time do Botafogo para enfrentar o Olimpia (PAR), no
 Defensores Del Chaco (Ricardo Oliveira‏ @ricardomanchete)
Se por um lado Montillo está vetado para o jogo por contusão, Bruno Silva treinou normalmente e está confirmado na partida. O mesmo acontece com o goleiro Helton Leite que foi bem no jogo de quarta-feira, jogou no domingo contra o Boavista e parece ter a preferência de Jair para começar o jogo. Gatito Fernández passou a semana se tratando de um desconforto muscular, foi liberado para treinamento mas parece ter perdido a posição.


Esses são os jogadores disponíveis para a decisão em Assunção:
Goleiros: Gatito, Helton Leite
Laterais: Marcinho, Victor Luis, Gilson
Zagueiros: Emerson Silva, Marcelo, Igor Rabello e Joel Carli
Meio campistas: Dudu Cearense, Airton, Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Camilo, João Paulo, Matheus Fernandes e Leandrinho
Atacantes: Roger, Rodrigo Pimpão, Guilherme. Sassá viajou com a delegação mas não está inscrito nessa fase da compeyição.

Como Jair fechou a parte final do treino no Rio e em Assunção, ficou difícil para os setoristas arriscarem um escalação. A mais provável e essa descrita abaixo.


FICHA TÉCNICA:
OLIMPIA X BOTAFOGO


Local: Estádio Defensores Del Chaco, em Assunção (PAR)
Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Julio Bacuñán (CHI)
​Auxiliares: Christian Schiemann (CHI) e Marcelo Barraza (CHI)

OLIMPIA (PAR): Azcona; Benítez, Cañete. Pellerano e Giménez; Fernández, Ortiz, Riveros e Benítez; Mouche e Montenegro
Técnico: Pablo Repetto.

BOTAFOGO: Helton Leite (Gatito Fernández), Marcelo, Carli (Marcinho), Emerson Silva e Victor Luís; Airton, Bruno Silva e João Paulo; Camilo; Rodrigo Pimpão e Roger (Rodrigo Lindoso);
Técnico: Jair Ventura.



Saudações a todos e fiquem à vontade para comentar.