sexta-feira, 19 de maio de 2017

Botafogo recebe a Macaca no Nilton Santos em busca da primeira vitória no Brasileirão




 Agora é foco total no Campeonato Brasileiro. Pra cima FOGO!

Sob as bênçãos de Nilton Santos, estamos nas oitavas de final da Liberta!

Depois de vencer o Atlético Nacional por 1 a 0 na última quinta-feira, em partida válida pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores que valeu a classificação antecipada para às oitavas de final da competição, o Botafogo recebe a briosa Ponte Preta neste domingo no Estádio Nilton Santos, pela segunda rodada do Brasileirão. Na estreia na competição nacional ocorrida no último fim de semana, o Glorioso foi ao sul enfrentar o Grêmio na Arena e saiu derrotado por 2 a 0 com muita facilidade.


Veja, no nosso post de pré-jogo, quais eram as expectativas para a partida decisiva pela Liberta: BOTAFOGO enfrenta os Colombianos no Nilton Santos em busca classificação ...


Depois de começar mal a sequência de jogos programados para essa quinzena, nos recuperamos bem com a última vitória sobre os colombianos e precisamos repetir a dose hoje contra a Macaca para começarmos a pontuar também no Brasileirão. Veja:

- 14/05 CAMPEONATO BRASILEIRO (19:00)

GRE 2×0 BOT

- 18/05 TAÇA LIBERTADORES (21:45)

BOT 1×0 ANA

- 21/05 CAMPEONATO BRASILEIRO (16:00)

BOT × PON

- 25/05 TAÇA LIBERTADORES (21:45)

EST × BOT

- 28/05 CAMPEONATO BRASILEIRO (19:00)

BOT × BAH

- 31/05 COPA DO BRASIL (21:45)

SPO × BOT



Classificados (Botafogo de Futebol e Regatas)
Na vitória sobre o A. Nacional, o time de Jair recuperou a melhor de suas características: a organização em campo. Com a mesma vontade e disciplina tática apresentadas nas partidas preliminares da Libertadores, o Alvinegro - novo demolidor de campeões - se impôs em campo e bateu mais um adversário qualificado na trajetória vitoriosa iniciada em fevereiro contro o Colo-Colo. Isso, depois de ter feito as duas piores partidas desse ano: contra o Barcelona de Guayaquil em razão da formação equivocada que entrou em campo e contra o Grêmio, pelo completo desinteresse coletivo e péssimas atuações individuais de alguns jogadores. Nessa jornada inglória, só Gatito se safou.

Já, contra os colombianos, alguns jogadores que foram mal contra o Grêmio se recuperaram. É o caso de Emerson que aguentou o tranco pela direita e não comprometeu. Atrás, o time se estabilizou com a volta de Carli atuando ao lado de Igor Rabello que fez a sua primeira partida internacional - a melhor da carreira do jovem zagueiro com desarmes precisos e invejável disposição. Pela esquerda, Victor Luis mostrou seu bom preparo físico mas precisou do apoio extra de João Paulo e Pimpão para conter o ímpeto do adversário que concentrou suas ações pelo setor.

Na proteção à zaga, Rodrigo Lindoso substituiu Airton com propriedade. Ao lado de Rabello e Pimpão, foi o destaque do time. Foi dele a assistência precisa para o atacante no lance do gol único da partida que nos deu a classificação. Sem o brilho costumeiro no apoio, Bruno Silva se desdobrou na segunda linha de defesa, principalmente pela direita, auxiliando Emerson na marcação. João Paulo fez uma partida bem discreta com muita luta mas pouca inspiração. Por sua vez, Camilo mostrou evolução. Foi importante na construção de jogadas no primeiro tempo mas pecou na escolha da melhor jogada desperdiçando lances decisivos. Teve o gol à sua frente no início da partida mas se confundiu no momento de se livrar do goleiro. Na sequência a bola sobrou para Roger que acertou o pé da trave desperdiçando a melhor chance do jogo. O centro-avante se movimentou muito mas dificilmente recebe uma bola preparada para o arremate. Mesmo assim, foi aplaudido ao ser substituído num reconhecimento pela força de vontade. Ele brigou pela bola até levar vantagem no lance que originou a jogada que terminou em gol de Pimpão.


O lateral-direito Arnaldo foi regularizado e deve estrear com
a camisa alvinegra neste domingo contra a Macaca

(Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
Mesmo sem apresentar o mesmo rendimento do começo da temporada, quando surpreendeu a todos pela velocidade e gols decisivos, Pimpão esbanjou vontade e foi premiado mais uma vez com um gol decisivo. Escolhido pelos organizadores como o craque da partida, o atacante teve seu nome gritado pelos torcedores (mais 33 mil alvinegros presentes) e não conteve as lágrimas no momento da entrevista e na descida para os vestiários. Gilson, Guilherme e Dudu Cearense entraram no final do segundo tempo e ajudaram a segurar a bola e dar aquele calor final no adversário. Guilherme teve nos pés a chance de ampliar o placar mas chutou em cima do goleiro Armani. Com mais um gol de diferença teríamos assumido a liderança do grupo (temos os mesmos 10 pontos que o líder Barcelona). As chances de sair como primeiro do grupo ficaram para a última rodada dessa fase, dia 25, contra o Estudiantes, na Argentina.

Após o treino-apronto de sábado, o indicativo é de que Jair mande a campo a maioria dos titulares contra a Ponte. O zagueiro Emerson Silva e o meia Montillo ainda se recuperam de problemas físicos e ficam fora da partida. Em compensação o lateral-direito Arnaldo, que foi apresentado e regularizado nessa semana, deve fazer a sua estreia com a camisa alvinegra. Com o desgaste das últimas partidas, é possível ainda que Carli e Airton sejam poupados. Com isso, Marcelo faria dupla com Rabello e Lindoso seria mantido pelo meio. O restante do time deve ser o mesmo que venceu o time colombiano.


FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X PONTE PRETA

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 21 de maio de 2017 (Domingo)
Horário: 18h (de Brasília)

Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Luciano Roggenbaum (PR)

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Arnaldo, Carli (Marcelo), Rabello e Victor Luis (Gilson); Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, João Paulo (Airton) e Camilo; Pimpão (Guilherme) e Roger
Técnico: Jair Ventura

PONTE PRETA:
Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Kadu e João Lucas; Fernando Bob (Naldo), Elton, Jádson e Ravanelli; Lins (Yuri) e Lucca
Técnico: Gilson Kleina


Saudações a todos e fiquem à vontade para comentar.


Por @FelipaoBfr/Botafogodeprimeira.com